Quando um burro fala…


papa-venezuela

(montagem sobre imagens retiradas de matérias de ACI Digital e Rádio Vaticana)

O mundo espera, naturalmente, que os líderes das nações estejam atentos aos eventos internacionais de maior relevância.

A crise na Venezuela, com suas vítimas fatais, num país da católica América Latina gerou enorme expectativa de um pronunciamento do chefe da Igreja. Pois bem, Francisco, no que lhe compete, chamou a atenção para a gravidade e insustentabilidade dos confrontos. Exortou os envolvidos a buscarem o perdão mútuo mas, ESPECIALMENTE, deixou claro que é responsabilidade do governo iniciar a trégua.

Católicos confessos e mal resolvidos, como Luciano Ayan (take it easy, man🙂 ) acharam que o papa falhou. Luciano Ayan é um exímio analista político, mas fez péssima correlação com a figura do apaziguador (que não corresponde à atitude de Francisco em pauta) e a de um estulto que diante duma briga só quer garantir que ambos os adversários tenham chance e direito de socar o outro, em nome de uma deformada concepção de justiça. Não obstante, recomendo vivamente o acompanhamento das publicações do Cético a todos aqueles que desejam se meter na guerra política.

Escolho conscientemente as palavras finais do parágrafo anterior. Nas entrelinhas, ali, reside a permissão ou a proibição moral de dar azo à histeria diante da fala de Francisco; o papel do papa é orientar seu rebanho, rezar por ele e cuidar da salvação das almas. Não cabe, sobretudo na questão venezuelana, ao chefe do Vaticano deitar tropas contra o exército de Maduro! Nós, vizinhos, vocês, eu, não estamos correndo para lá, para dar nossas vidas pelos venezuelanos! E olha que vamos na iminência de sermos os próximos José Alejandro Márquez e Génesis Carmona, aqui mesmo em território brasileiro…

Sem medo de errar, garanto que 90% dos insatisfeitos com a postura do papa não se dignaram SEQUER a comparecer a um dos atos de apoio aos venezuelanos que foram realizados nas últimas semanas por aqui.

Nisso consiste a diferença. Bergoglio falou, embuído do seu espírito diplomata porque por acaso ele é o papa; você, que por acaso é você, não teve a ousadia de sequer fazer campanha para um candidato mais à direita ganhar a próxima eleição no Brasil.

Se achou que o papa foi frouxo, assuma a responsabilidade pela tragédia! Una-se às suas orações e tome partido na ação. Lembre-se que a Igreja de Cristo é um corpo e cada membro deve compensar a deficiência dos outros.


Veja também:
Depoimento de Venezuelana à Liga dos Blogueiros Católicos

P. S.: O programa da Liga onde se deu o depoimento foi especial de carnaval. Por isso ela foi introduzida pelo Batman.

Papa Francisco fala ao CELAM

3 pensamentos sobre “Quando um burro fala…

    • Olá, Jorge.
      Ele analisa as técnicas aplicadas pela esquerda para embargar o diálogo e disseminar a confusão, apresentando inclusive táticas possíveis de contra-ataque. Mas nem todo mundo acerta sempre.

  1. Discordo quando você afirma que o Luciano Ayan é um católico (mal-resolvido, ou não). Para mim, ele apenas FINGIU que era católico, durante um certo período, apenas para cultivar uma certa “audiência cativa” para o seu primeiro blog, o hoje-extinto «Neo-Ateísmo Um Delírio». Lembro que ele mantinha uma página no Formspring, e em uma resposta a um dos leitores, ele disse que não acreditava na existência do Diabo, que este seria apenas uma “metáfora”. Muito católico mesmo! Me convenci de que ele SEMPRE foi um ateu materialista, e que seu objetivo principal continua sendo TROLLAR. No “Blog do Mensalão”, existem provas não só da falta de coerência entre as posturas antigas e as posturas recentes do Luciano, mas também de que ele é um mentiroso e indigno de confiança: afirmava que era médico e que morava na Alemanha, e usou sua amizade com o administrador de uma comunidade do Orkut (“Contradições do Ateísmo”) para banir milhares de membros durante uma única madrugada. Depois que ele chegou ao cúmulo de endossar o absurdo dawkinista de que todos nós seríamos escravos dos “genes egoístas”, e de dizer que os faraós eram esquerdistas, não dá mais para levar o Sr. Neo-Iluminista a sério.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s